segunda-feira, 8 de janeiro de 2018

Bombeiros resgatam corpo de vítima de acidente em igarapé “Tira Ressaca”


ab6a05d9-acf6-4c7d-ad3f-40beb507897f

Na manhã desta segunda-feira (08), o 4º Grupamento de Bombeiros Militar foi acionado através do Centro Integrado de Operações (CIOP), para atender à uma ocorrência de acidente com vítima, que aconteceu em um igarapé conhecido como “Tira Ressaca”, na comunidade de Vila Nova.

A vítima, Reginaldo Carvalho de Aguiar, de 41 anos, voltava sozinho de uma confraternização, e caiu com o automóvel da ponte sobre o igarapé, de onde não conseguiu sair.

2aebea65-56d1-4d1f-bd5d-ccb041545227289a5f02-40aa-4832-ab41-2525988724c0

Duas equipes do corpo de Bombeiros foram ao local para realizar o resgate da vítima. A primeira, composta por Sgt Douglas, Cb Borges, Cb Fábio e Cab Rick, que estavam na viatura AFR 06, e a segunda equipe, Sub. Ten Lavor, Sgt Ériton, Sgt Jânio, Sd Júlio Cesar, Sd Vilhena e Sd Sousa Alves, na viatura ATT 04.

De acordo com o Comandante de Socorro do dia, Sgt Ériton, o resgate foi considerado simples, apesar de que a vítima ainda estava dentro do veículo. “A retirada da vítima de dentro do veículo foi rápida, porém, redobramos a atenção para levar ele até o solo, tendo em vista que ele encontrava-se em um meio líquido, e teríamos que fazer uma pequena subida na margem do igarapé, mas conseguimos fazer o trabalho de forma tranquila. Os materiais que utilizamos foi a maca e cordas para estabilizar o corpo.” Frisou Sgt. Ériton, Comandante de Socorro do dia.

Após a retirada, o corpo da vítima foi entregue ao Centro de Perícias Criminais (CPC).

Por Vanessa Campos, 5ª Seção

quinta-feira, 28 de dezembro de 2017

Equipe do 4º GBM resgata jacaré em Santarém


4013936f-0ed9-4f0d-81d0-412d942cf343

Na madrugada da última quinta-feira (28), o 4º Grupamento de Bombeiros Militar foi acionado para realizar o resgate de um Jacaré-açu de aproximadamente 3 metros, encontrado no porto do DER, em Santarém.

2ab43ed9-3adb-463f-a14f-0f4c1d537f11A visualização do Jacaré aconteceu quando um dos tripulantes de uma embarcação ia se deslocar até a beira da praia para preparar a ancoragem e desembarque, outro tripulante de sua equipe visualizou o animal e o alertou imediatamente para não descer.

A equipe do Corpo de Bombeiros composta pelos militares, Sgt Magalhães, Sgt Cohen, Cb Vieira, Cb Denilson e Sd Júlio César, recebeu o chamado através do Núcleo Integrado de Operações (NIOP), e chegou até o local por volta de 4h30.

Segundo o Sargento Magalhães, o resultado positivo do resgate aconteceu graças à união da equipe.

“A equipe trabalhou muito unida para que concluíssemos esse trabalho de forma positiva em todos os sentidos, principalmente preservando a segurança, tanto da equipe, quanto do animal. Conseguimos imobilizar o jacaré colocando uma prancha de madeira sob ele, laçamos as patas e cobrimos os olhos para que ficasse mais tranquilo. Assim conseguimos colocar ele de forma segura na viatura para poder repassar aos órgãos responsáveis.” Disse o Sgt. Magalhães, membro da equipe de serviço do dia, responsável pela captura do animal.

O Jacaré permaneceu imobilizado e sob observação dos militares até que pudesse ser encaminhado aos órgãos responsáveis pelas avaliações e próximos cuidados do animal. 7a79f531-389d-4b94-bb24-afb6760e92ba

Por Vanessa Campos, 5ª Seção, 4º GBM.

terça-feira, 5 de dezembro de 2017

Iniciado o içamento do rebocador CXX da Bertolini em Óbidos.


DSCN4545

Na manhã desta terça-feira (5), iniciou mais uma fase da "Operação de resgate e salvatagem" de nove vítimas do acidente entre o rebocador CXX da Bertolini, que colidiu com uma embarcação da empresa Mercosul no dia 02 de agosto de 2017.

af5cccc6-c2db-460a-9a2a-d3fd565b9540Neste momento, os esforços de resgate e salvatagem dos desaparecidos concentram-se nas próximas fases da operação, a partir do posicionamento da embarcação sob a balsa da Bertolini para dar prosseguimento ao trabalho da perícia criminal, que já iniciou no local.

O içamento começou por volta de 8h30 pela empresa Smit, responsável pelos equipamentos e desenvolvimento da operação sob supervisão da Marinha.Nesta missão, a equipe do Corpo de Bombeiros é comandada pelos Coronéis Cláudio dos Santos e Francisco Canturária, Coordenador da Defesa Civil Estadual.

bad3d253-c42a-4fcc-9748-1f0e1ca714a4

Por: Vanessa Campos/ 5ª Seção

2009-2013 * 4º GBM-PA *Customizado por Marcelo Quemel * Melhor visualizado no Google Chrome e Firefox